Que tal orarmos para os excluídos das festas natalinas?

INCLUSÃO

O Amor divino é o único Pai-Mãe, único Princípio que mantém o homem e o universo em plena harmonia. Como o Sol, Astro-Rei único no sistema solar, ele tem Seus raios, intimamente ligados a sua fonte, jamais inseparáveis ou excluídos de Sua órbita de luz, brilho, harmonia, cor e plenitude. O Sol brilha para todos e a ninguém exclui de sua luminosidade!!! As sombras e trevas de toda forma de exclusão são as más intenções e injustiças da mente humana, que desaparecem diante da luz da Verdade, da lei do bem infinito que a ninguém exclui de sua esfera de ação infinita! “Deus disse: Haja Luz, e houve luz!” (Gênesis)

“Pode acaso Deus preparar-nos mesa no deserto? O que é que Deus não pode fazer?” (Salmos 78) — Jesus deu o tom da nossa inseparabilidade da fonte divina donde emana o ser: “Eu e o Pai somos um.” E, de fato, somos, espiritualmente, um com Deus, como um raio de sol é um com o Sol. O Apóstolo Paulo definiu esse sentido elevado de inclusão divina como sendo uma coexistência divina – existir com Deus – nestas palavras: “…pois nEle vivemos, nos movemos e existimos.”

Quando diante de um sentimento de exclusão, temos um alento espiritual na verdade divina que ninguém pode estar excluído da infinita presença e Amor divinos. Nessa oração é mister incluir aqueles que excluem, sentem prazer neste atitude e usar da compaixão divina para perdoar-lhes: “Pai, perdoa-lhes, por que eles não sabem o que fazem.” Jesus

Nessa época natalina, sob a ostentação consumista, essa sensação de exclusão bate forte, desde aqueles que não tem o que comer, nem onde morar, até aqueles que fechamos a porta, deixando-os do lado de fora, por não terem sido convidados para as festanças! Na solidão e no deserto da exclusão, cada filho de Deus, pode sentir o consolo, carinho e amor do divino Pai-Mãe Deus, que nunca decepciona ou abandona! O sentimento de Cristo para cada dia e não só no Natal, é simplicidade, hospitalidade e amor cristãos, nunca excludentes!!!

No Amor onipresente e infinito, todas as lágrimas são enxugadas, todos são incluídos e igualmente abençoados, ninguém pode ser preterido ou deixado de fora do bem e da bondade divina. Todos estamos na lista, como diz as palavras proféticas: “…por que o vosso nome está arrolado nos céus.” Jesus – Lucas 10. A lei divina do bem é como a lei da gravidade, funciona para todos, independentes de conhecermos ou compreendermos bem como essa lei funciona!!!

Com este espírito de oração, expresso em atitudes conscientes e práticas, oremos de modo inclusivo, incluindo no amplexo (infinito abraço) do Amor divino, aqueles que nunca tiveram oportunidade de celebrar uma noite de natal, com aquela mesa farta e rodeado de entes queridos. Bem como as crianças carentes, os meninos de rua, os órfãos, os pobres, os presos, os internados em hospitais, os viciados, os alcoólatras, os loucos, desesperançados e deprimidos.

“Para Deus tudo é possível.” Evangelho de Marcos

[Imagem da Web]

Anúncios

Sobre Blog Bem Viver

Blog Bem Viver Twitter @Metafisica_cura Ativista no processo de construção, colaborativo e coletivo, da espiritualidade aberta e universal que a todos abençoa catalizando a cura e o progresso espiritual.
Esse post foi publicado em DIVINA INCLUSÃO, ORAÇÃO AOS EXCLUÍDOS e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s